quinta-feira, 23 de outubro de 2008

Omissão da Smov com a Vila dos Herdeiros

A Comissão de Saúde e Meio Ambiente (Cosmam) da Câmara Municipal de Porto Alegre apresentou ontem (22/10) denúncia ao Ministério Público (MP-RS) quanto ao descaso da Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) em relação à situação de risco vivida pelos moradores da Vila dos Herdeiros, no bairro Agronomia. Até hoje, a Smov não teria realizado obras para sanar prejuízos causados por enchentes no arroio Saint Hilaire. O desastre, ocorrido em maio deste ano, alagou casas e deixou desabrigados na vila.

Segundo a presidente da Cosmam, vereadora Neuza Canabarro (PDT), a Comissão tem sido desconsiderada pela Smov. "Não conseguimos a presença do secretário [Cássio Trogildo, do PTB]." Neuza também demonstrou preocupação com a possibilidade de novas enchentes no local, e lembrou que os vereadores poderiam ser responsabilizados se não tomassem providências ante a omissão da Smov. "Denunciaremos ao MP os desmandos no comportamento da Secretaria", disse a vereadora, que lamentou a falta de parceria do Executivo na busca de soluções para os problemas do município.

Aldacir Oliboni (PT) explicou que uma das demandas não resolvidas pela Smov é a construção de uma nova ponte sobre o arroio Saint Hillaire. Atualmente, existe apenas um pontilhão construído pela própria comunidade com restos de madeira e que ficou danificado após as enchentes. "A população denuncia que as ambulâncias não conseguem atravessar o pontilhão para prestar atendimentos de emergência", disse Oliboni. Para o edil, há um descaso do alcaide Fogaça em relação ao problema. "É preciso que a Smov se pronuncie. Ela não está dando atenção devido ao caso e desrespeita a Câmara."

A vice-presidente da Cosmam, vereadora Maria Celeste (PT), afirmou que cerca de quarenta famílias vivem naquela área de risco e mais de cem outras famílias estão assentadas no entorno dela. Após a ocorrência do ciclone, em maio deste ano, a prefeitura chegou a tomar algumas providências; contudo, devido à incompetência das autoridades municipais, permanecem os problemas naquele local. Para Celeste, o pouco caso da Smov dificulta o trabalho de recuperação na Vila dos Herdeiros, visto que a Secretaria sequer responde às solicitações de informações encaminhadas pelos vereadores.

Foto: Pedro Revillion/CMPA

Nenhum comentário:

Postar um comentário